Disponível no blog

Textos psicografados, romance, Umbanda, Espiritismo compõem a tônica do A Alma das Coisas.
By
Anna Pon ( escritora e blogueira )

sábado, 21 de maio de 2011

A Maledicência (teste para conferir)






Texto de ALKÍNDAR DE OLIVEIRA

A maledicência - o falar mal dos outros - é um dos maiores males do nosso século.

Será que gostamos de falar mal dos outros?

Será que quando afirmamos:

“Não estou falando mal de fulano. Só estou dizendo a verdade”, na realidade não estamos encobertando nosso prazer de falar mal dos outros?

Conhecer-se a si mesmo. Este é o caminho para o nosso aprimoramento.

E com o objetivo de, em relação à maledicência, nos conhecermos melhor, sugiro tirar cópias e aplicar este teste de auto-conhecimento junto aos integrantes dos grupos de estudos do centro espírita em que você atua.

Antes de aplicar o teste é conveniente ressaltar aos que se propuserem a participar do mesmo, que é um teste de auto-conhecimento particular. Isto é, ninguém precisa e nem deve comentar o resultado. O objetivo maior é fazer cada pessoa conhecer-se melhor e refletir sobre as conseqüências nefastas da maledicência.

Após a aplicação do teste e resultados do mesmo, faça reflexões, junto ao seu grupo de estudo, sobre:

a) A pergunta 903 de "O Livro dos Espíritos" (São Paulo: Petit Editora).

b) As frases seguintes:

“Não há institutos de pesquisas no mundo capazes de avaliar a quantidade de infortúnio e delitos desencadeados entre os homens, anualmente, resultantes de impressões falsas proclamadas como verdadeiras”.

(Do Espírito Kelvin van Dine, Técnicas de Viver)

“O tempo que se perde na crítica pode ser usado em construção”

(Do Espírito André Luiz, "Sinal Verde", da Petit Editora - SP)

Faça seu próprio teste:

“EU E A MALEDICÊNCIA” (extraído do Jornal “O Trevo”, de julho/78. Autoria de Ney Prieto Peres)




1- Ao surgir, numa conversa, comentários sobre um deslize de alguém, você se interessa em ouvir?

Qual sua atitude?

(0) faz perguntas

(5) ouve apenas

(10) corta a conversa




2 - Ao saber de uma infidelidade de parente ou pessoa amiga, apressa-se em levar a notícia adiante?

Qual a sua atitude?

(0) comenta com outros

(5) pensa em falar, mas silencia

(10) pondera e cala




3 - Acha divertido e participa animadamente das fofocas entre amigos(as)?

Qual a sua atitude?

(0) participa contribuindo

(5) apenas ouve e ri

(10) evita as fofocas




4 - Escandaliza-se ao saber de ocorrências escabrosas envolvendo pessoas conhecidas?

Qual a sua atitude?

(0) arregala os olhos e exclama

(5) comenta com outros

(10) não se envolve e silencia




5 - Sente-se atraído (a) pelas conversas ou notícias sobre desastres e crimes passionais?

Qual a sua atitude?

(0) busca avidamente

(5) apenas ouve e lê

(10) evita ouvir e ler




6 - Comenta com outros os defeitos de alguém por quem sente qualquer antipatia?

Qual a sua atitude?

(0) acentua os defeitos

(5) não chega a comentar

(10) evita ver os defeitos




7 - Sente, às vezes, incontrolável impulso, e deixa transparecer a outros um assunto reservado, confiado por pessoa de sua intimidade?

Qual a sua atitude?

(0) não resiste e fala

(5) apenas sente vontade de falar

(10) nem sente vontade nem fala




8 - Dá ouvidos a conversas sobre problemas causados por companheiros, no âmbito do centro espírita em que colabora?

Qual a sua atitude?

(0) comenta e dá ouvidos

(5) ouve e silencia

(10) pondera com tolerância




9 - Alguém lhe diz “não gosto de fulano”, “beltrano é mal encarado e presunçoso”. Tendo oportunidade, você conta à pessoa em questão o que ouviu?

Qual a sua atitude?

(0) não resiste e transmite o que soube

(5) apenas sente vontade de contar

(10) não conta




10) Usa, por vezes, expressões do tipo: “aquele cara é um chato”, “veja o que beltrano me fez”, “fulano só quer ser o bom” etc.?

Qual a sua atitude?

(0) não resiste e comenta a sua opinião

(5) tem sua opinião mas não comenta da pessoa

(10) procura ver o lado bom




Avalie-se como segue:Some as pontuações que estão dentro dos parênteses que você assinalou. Chegue à soma. Veja o resultado:

De 90 a 100 pontos: muito bom, excelente resultado.

De 70 a 89 pontos: bom, mas deve se cuidar.

De 40 a 69 pontos: sofrível, lute bastante.

De 0 a 39 pontos: sem comentários, esforce-se ao máximo.

Extraído do Jornal “O Trevo”, de julho/78. Autoria de Ney Prieto Peres.







Jornal dos Espíritos - o seu jornal espírita na internet

Copyright 2005 - Todos os direitos reservados.

redacao@jornaldosespiritos.com

Microsoft Internet Explorer - 6.0 - Resolução: 800 x 600

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Textos similares

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...